Moça de trança
sozinha a sonhar
sonhos idos a pensar.

Onde andará meu amor?
Nem posso imaginar.
Terá partido com o vento
terá me deixado pra sempre
aqui a sonhar?

Ah! Amor, não faz assim comigo
preciso tanto de você...
Se soubesse...
Joguei minhas tranças
a esperar
por um grande amor
a me amar!

Aqui estou,
esperando vida
do seu olhar .
Me transformarei
não em moça de trança
sozinha a chorar,
mas em trança, trançada
com fios de ouro
asas de borboleta
para alçar voo e lhe encontrar.

Eda Carneiro da Rocha





 

 
CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!