Se trinco, se racho,
me reergo, para a vida.
Digo teu nome,
canto para mim a mais doce canção
que só conhecem os que amam
sem perda da razão!..

Se trinco, me refaço.
Se racho, torno-me altaneira.
Sou aquela ave feliz
que com seu vôo,
te absorve inteira!..

E,como fênix, revivo,
depois de todos os esforços,
para amar e ser amada,
faço a nossa canção
feita com o coração!..

Não há vida que me faça te esquecer,
porta que não me deixe entrar,
lua à que eu não leve o meu cantar,
pois te amando , assim,
refaço minha vida,
retiro todos os meus medos,
torno a te ninar!..

Se rachar, vou me tornar inteira.
Se quebrar, vou me fazer em una,
mas jamais te deixarei,
pois serás para sempre,
minha eterna companheita.

Eda Carneiro da Rocha

 

 
 

 

 


CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys