Quase sorvida nele,saí, fui correr mundo.
A outras plagas ,onde não conhecia este lugar.
Branco a minha volta, sem saber da vinda.
Eis-me perdida, sofrida, desamparada!

Mas Jesus mais uma vez me tomou pela mão,
me trouxe devagarinho de volta.
depois de quase quatro meses de ausência
começo a tomar prumo, a ver o mundo.
a andar, andar, andar!!!!!!!!!

Maravilha!
Andar, levantar, sorrir,
saber que nao morri
que estou aqui novamente
escrevendo meus poeminhas
que são a minha razão de vida.

Amigos!
Agora a Poeta Amor está voltando
neste tempo que me poupou,
me deixou a minha vida!

E a cada dia um só dia.
Uma promessa de Amor de que viverei
de que estarei aqui, hoje, amanhã e depois.
para que fique mais um pouquinho aqui.

Cumprindo minha missão aqui nesta Terra.
Amando a vida, como eu a amo
na promessa de que não morrri:

" Só Renasci"!

Eda Carneiro da Rocha
" Poeta Amor"
25/06/2013




 

Menu ::: Voltar ::: Envie essa Página

 

::: CrysJuanGráficos&Design :::