Procura meu corpo, agora!
Não te vás embora!
É hora de fazer amor!..
De esquecer tudo,
desta paixão incontida,
remida dos dias meus!..

Vem, agora!
Me põe na cama,
me fala frases loucas,
beija minha boca,
torna-me tua amada,
antes de mais nada!

Não procures o porquê,
desse amor!..
É vida remida,
eterna e sofrida!..

Ah! Se fosses meu, por um dia,
teus pés beijaria,
numa saudação ao amor!
Jamais te deixaria,
nem hoje, amanhã ou depois!..

Vem, agora, entra em minha vida,
fala o que quiseres,
sussura baixinho,
esse segredo nosso, tão nosso
que será nosso eterno Amor!..

Eda Carneiro da Rocha


CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!