Procuro palavras que me consolem,
como esta linda canção... de Amor!
São tantas e tão poucas!
Como curar um mal de Amor?
Como deixar de sangrar um coração,
que sente a tua falta, em todos os momentos?

Procuro e não te acho!
Onde estás?
Onde te escondes de mim?
Em que recôndito de minh'alma foste te esconder?

És uma tônica presente ,em meus dias,
a Tônica do Meu Amor
que paira no espaço, como bailarino,
procurando seu par,
dançando só, na imensidão das nuvens!..
No brilho das Estrelas,
na cauda do Cometa!

Continuo só!
Te procurando,
te buscando,
nessa busca interminável,
que é a " Nossa Canção de Amor"!..

Eda Carneiro da Rocha


01 - 02



    


CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

 

Imagem: Desconheço Autoria, retirada de antigos arquivos.