Minha Criança!

Ah! Criança que fui e sou!
Ouvindo os fados de minha avó!
Ela na guitarra e minha mãe no violão!
Que saudade do meu tempo de criança!
E o piano se fazia presente!
Era uma orquestra, um festival!
Meu padrinho tocava,
ao som do nosso piano alemão!

Eu, menina, escutava e amava!
O som daquele piano, daquela guitarra
e daquele violão!

Música celestial se fazia ouvir.
Minha irmã com seu belo pianar!
Era o Despertar da Montanha,
Clássicos e mais Clássicos.
E a valsa dolente que,
mais tarde aprendi a tocar:
" Escuta Bem"!

Saudade é só o que sinto!
Não quero porém lágimas,
escorrendo dos meus olhos!
Antes, tentar ser alegre,
com todas essas lembranças,
onde criança fui muito feliz!

Eda Carneiro da Rocha

 

 



CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!