Ofereceste-me hortênsias!
Um mundo azul entrou, em minha vida.
Pétalas se espalharam pelo chão e pelo meu coração,
me lembrando, como eu as desejo ver nascer!

Tenho hortênsias espalhadas, sem flor ainda.
Espero ansiosa suas flores.
A cada dia ,vou olhar, se já nasceram...
Ainda não, mas nascerão!

E, hoje, me ofereceste estas hortênsias,
pois sabias que as espero.
Farei com elas um ramalhete, para te ofertar!..
Em cada pétala, um beijo dado,
um sonho acalentado,
uma vontade enorme de te ver, te amar e
Renascer!

Eda Carneiro da Rocha
" Poeta Amor"


::: Menu ::: Voltar :::


CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

 

CrysGráficos&Design