Quero ser o vento que passa
para acariciar-te a alma
que já de tão cansada... chora.!..

As aves do céu, para te fazer companhia
na tua angústia e na tua saudade.
Não quero que sofras a dor desta distância
que me invade!..

Já vou. Estou chegando,
com todas as metáforas, pleonasmos,
hipérboles e metaplasmos.
Comparando a digressão da falta que me fazes,
nesta imensidão de céu, onde os pássaros voam
com a velocidade do meu pensamento
correndo ao teu encontro...

Nada sou! Nada! Se não te tiver,
em meus braços, agora,
para te sorver todo,
em meu corpo enroscado,
como um caracol,
como um pássaro que perdeu o ninho,
como o beija-flor que perdeu o rumo,
na insanidade de querer te encontrar.
Nesta vida de paixão:
Não esqueças!
" Só quero te amar" e
Nada sou! Nada!
Sem o teu Amor!..

Eda Carneiro da Rocha



CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Tube:Kara2006