Não ! Não voltarei ao Nada!
Voltarei ao Tudo,
pois não serei mais sozinha,
Eu O terei por minha companhia!

Eu o vejo na flor que desabrocha,
no sorriso da criança,
no brilho das estrelas,
ao cair da tarde,
no meu beija-flor ,buscando o néctar,
nas flores que despontam,
no sol que desperta,
na noite que vai
no dia que vem!..

Já sei contar os anos,
já procuro o tempo perdido,
não querendo mais nada perder!
Tenho muito a achar,
na amizade que nasce,
no amor que é minha vida,
no dia de amanhã
que me dará guarida!

Na minha doce casa,
no meu Mágico Jardim,
onde flores desabrocham,
numa alegria sem fim!..

Tenho tudo!
Jamais tive nada!
Nada é para os aflitos,
para os que não crêem,
não conhecem a Esperança ,
não sabem Orar.

Sou tudo, sendo nada!
Na Ciranda da Vida,
no consumismo perdido,
sou nada!

Na espiritualidade de meus irmãos,
sou tudo!..
Mais que uma gota no Oceano!..
Sou Mar Revolto,
encapelando vidas,
guiando-as,
salvando-as,
com meu cantar,
com meu querer.
Sou tudo!
Jamais serei "Nada"!

Eda Carneiro da Rocha

 


CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!