Surpreendentemente,
és o amor,em minha vida...
O amor que canta, passa, acarinha,
beija, olha, agradece, pelo que somos!..,

Somos, nada mais, nada menos
que, gotículas de amor espalhadas,
neste universo, que caminham, dançam,
mandam o seu recado... de amor!..

Está em toda parte,
até onde os olhos não alcançam...
No Infinito, onde perdemos, quase a visão,
pois somos ofuscados
pela luz de tanta inspiração!..

Somos, eu e tu,
tu e eu: o " Amor",
guardado a sete chaves
no reino encantado,
onde ouso pronunciar mais uma vez
que és o meu tâo decantado:" Amor"!..

Eda Carneiro da Rocha




CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!