Elegia ao Nosso Amor



Conhecemo-nos, amamo-nos e
nos realizamos.
Um amor concreto e real,
longe da fantasia,
longe da imaginação
dos que não amam.

Nosso amor é puro
grande
belo
altaneiro
crescente e
imortal,
posto enquanto dure
não há chama que o apague
não há água que o seque
nem lágrimas que não se verta.

Nosso amor é tão nosso
que nos esquecemos muitas vezes
e fazemos passeios ao luar
dentro de casa , na nossa imaginação.

Todos os passeios que não demos,
tudo o que ainda não realizamos,
vamos deixar nas mãos de Deus,
para que Ele, com sua sabedoria
nos leve e nos embale
seja em que terra for,
pois nosso amor é tão grande
que não cabe nos dias meus.



Eda Carneiro da Rocha