Como as ondas do mar, te entrevejo....
Procuro teu regaço, no meu.
O Sol já vai surgindo,
alma a te esperar
no calor do teu olhar!..

Ah! Se fosse flor me transformava, em amor.
Se fosse céu, seria o azul do nosso esplendor...
Se fosse gaivota, te levaria, em minhas asas.
Se fosse dor, te embalaria com canções!..

Se fosse tua, te faria meu, agora e sempre!
Nada nos separaria!
Nem a tristeza, nem a saudade, nem a distância!..

Eu partiria correndo ,atrás dos dias meus,
dos dias nossos, tão nossos que o impossível
seria nosso jogo de amor!

Jogo a ser jogado, neste gostoso verbo amar,
na cadência deste doce sentimento,
que ninguém alterará, pois és luz divina,
límpida, brilhante, como nossas ondas do mar!..


Eda Carneiro da Rocha
" Poeta Amor"




 

Menu ::: Voltar ::: Envie essa Página

 

::: Crysgráficos&Design :::