Clamo nesta vida por amor e sempre clamarei aos céus!
O Amor que alimenta e sustenta nossa alma, às vezes,
tão necessitada de carinho, ternura e compreensão.

Clamo!

Clamo e clamarei sempre, pois Jesus é meu sustentáculo de Fé!
Através de palavras reunidas e bem ditas, preciso clamar!
É necessário que saibamos usar nossas palavras,
como um Ato de Amor!

As palavras podem nos levar ao Paraíso
e também nos levar a lugares, não tão agradáveis!

Através delas, como sementes
que darão uma árvore cheia de frutos,
que serão sazonados por nosso tom,
pela nossa conduta, em nossa vida!

No mundo atual, deveríamos todos clamar por Jesus
e Lhe pedir dias mais amenos, mais pacíficos,
sem tantas guerras com armas terríveis
e com as armas de nossas palavras, mal ditas,
sem nenhum carinho, para os seres que dizemos amar.

Muitas vezes, se tivéssemos usado estas boas palavras,
talvez não tivéssemos chegado ao fim,
à separação definitiva, sem o querermos,
pois a Impaciência é tanta, o Mau Trato
é tamanho que não logramos à Felicidade,
em nossas vidas!

Vamos aprender a Amar e respeitar a todos,
indistintamente.
Sejamos aquele grão que cai,
mesmo sem o plantarmos,
e se tranforma numa grande benção,
em nossas vidas, dando origem
àquela árvore de que já lhes falei.

Sejamos felizes, meus queridos amigos e poetas!
Esta é a minha reflexão de hoje, em que vejo,
no meu quintal, uma árvore cheia de flores ,
que dará todos os bons frutos de que precisamos.

” Frutos de Nossas Vidas”!

Com um beijo terno de sua amiga eterna

Eda
” Poeta Amor”



 

Menu ::: Voltar ::: Envie essa Página

 

Imagem top capturada na internet sem menção de autoria

::: CrysJuanGráficos&Design :::